Exploração sexual infantil: Homem preso em Cachoeiro

Um homem foi preso em flagrante em Cachoeiro de Itapemirim,  no Sul do Espírito Santo,  com milhares de imagens de abuso ou exploração sexual de criancas e adolescentes.

A prisão é decorrente da investigação permanente que apura a produção, divulgação e transmissão de imagens e vídeos ou outros registros que contenham cenas de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo crianças ou adolescentes no Estado do Espírito Santo.

Durante o cumprimento, os policiais encontraram centenas de arquivos contendo material de abuso e/ou exploração sexual infantil o que levou  à prisão em flagrante de um servidor público aposentado, de 62 anos.

Foram encontrados arquivos datados desde o ano de 2015, portanto, ele cometia o crime pelo qual foi preso, de forma continuada, há vários anos.

ENTENDA O CASO

As investigações tiveram início no âmbito da Polícia Federal a partir do uso de ferramentas e técnicas investigativas que permitem a coleta de informações na internet e a identificação de usuários que frequentemente compartilham, armazenam, produzem ou comercializam esse tipo de arquivo na rede. O material apreendido será submetido à perícia técnica e a investigação terá foco na identificação de possíveis vítimas.

CRIMES INVESTIGADOS

O investigado poderá responder pela prática do delito de transmitir e/ou armazenar material pornográfico envolvendo criança ou adolescente, ambos previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), cujas penas podem chegar até 10 anos.

Superintendência da Polícia Federal no Espírito Santo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  •  

    Editor:  MTB 735
    Contato: jornalismo@rededenoticias.net.br

  • ×