Faltei no primeiro dia do Enem, vale a pena ir no segundo?

O primeiro dia do Enem 2022 aconteceu no último domingo (13) e quase um milhão de inscritos não compareceram à prova. Seja por um imprevisto, por atraso ou qualquer outra razão, é comum que os faltantes se perguntem: vale a pena fazer o segundo dia de prova?

O site Rede de Notícias foi atrás de uma resposta. Conversamos com Matheus Valente, coordenador pré-universitário, que esclareceu em quais situações vale o esforço de fazer o segundo dia do Enem mesmo tendo faltado no primeiro.

“Independentemente do motivo é recomendado fazer o segundo dia de prova, seja porque perdeu a prova por conta de horário ou por falta de documento”, explica.

Treine

O professor defende que comparecer à segunda prova é um jeito de treinar para outros vestibulares e também para outras possíveis vezes que for realizar o Enem. “Você já está inscrito de qualquer forma, então é um jeito de treinar e conhecer a prova e, assim, ganhar experiência”. A dica vale especialmente para quem nunca fez o exame antes.

Os candidatos que foram contemplados com a isenção da taxa de inscrição no Enem têm mais um motivo para comparecerem ao segundo dia: Os isentos faltantes só podem requerer novamente a isenção no próximo ano se justificarem o motivo da ausência. A justificativa precisa ser feita no ato da nova inscrição e o MEC analisará o pedido.

E é claro que justificar a ausência em apenas um dia é mais fácil do que justificar nos dois – ainda mais se não houver motivo plausível para falta no segundo dia.

Clicando aqui, você confere as regras e quais justificativas são aceitas pelo MEC.

O único caso em que Vinícius Haidar recomenda não ir ao segundo dia de prova é quando o candidato está doente, especialmente com alguma doença infecciosa. Nestas situações, ele poderá, inclusive, pedir a reaplicação da prova em outra data.

O edital do Enem determina que o candidato pode pedir reaplicação em duas situações: em caso de doenças infectocontagiosas ou por problemas logísticos, como falta de energia no local de prova e alagamento.

No segundo caso, é possível pedir a reaplicação dos dois ou de apenas um dia e, por isso, é imprescindível que o candidato compareça no dia em que não enfrentou estes problemas.

Então se foi o seu caso, nada de faltar na prova deste domingo (20)!

Sisu,  Prouni e Fies?

Está se perguntando se fazer o segundo dia de Enem ainda te daria uma chance de concorrer a uma vaga no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), o Prouni (Programa Universidade para Todos) e Fies (Fundo de Financiamento Estudantil)?

Bem, infelizmente não. Isso porque todos estes programas exigem que o candidato tenha alcançado uma nota maior que zero na redação. E, considerando que a prova de redação é aplicada no primeiro dia de Enem, quem comparece apenas ao segundo automaticamente fica de fora.

Ainda que não existisse essa regra, com a nota zero nas três provas aplicadas no primeiro dia – Linguagens e Códigos, Ciências Humanas e Redação – ficaria difícil ter uma média competitiva para concorrer aos programas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  •  

    Editor:  MTB 735
    Contato: jornalismo@rededenoticias.net.br

  • ×