Mulher é salva de ser esquartejada; outra é queimada e morre

Ser mulher no Espírito Santo não é seguro. Em 24 horas, uma jovem foi libertada pela Polícia minutos antes de ser morta pelo companheiro.

Ele iria matar a mulher, separar os membros do corpo e depois livrar-se dos restos mortais divididos em malas.

O caso aconteceu em Ibatiba, na região do Caparao capixaba. O  motivo do crime seria um dinheiro que a mulher havia recebido e estava na conta do suspeito.

Já em São Domingos do Norte, o corpo de uma mulher foi encontrado carbonizado no bairro Caixa D’água, região conhecida como Sovaco da Cobra, 

A vítima foi identificada como Cristiana Cuzzuol Pitol, de 44 anos. Segundo a Polícia Civil havia marcas de sangue em volta do corpo, mas ainda não se sabe a causa da morte.⠀

Um morador que encontrou o corpo, reconheceu a vítima, e acionou a Polícia Militar.

Para os policiais ele informou que na noite anterior teria percebido que a mulher estava discutindo com o companheiro, mas não havia percebido nenhuma movimentação suspeita, apenas viu o corpo no outro dia ao passar pelo local.⠀

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  •  

    Editor:  MTB 735
    Contato: jornalismo@rededenoticias.net.br

  • ×