Sexta, 24 de Maio de 2024
°C °C

Fluminense empurra o Santos ladeira abaixo

Time paulista está ameaçado de rebaixamento

30/11/2023 às 04h53 Atualizada em 30/11/2023 às 05h29
Por: Redação
Compartilhe:
Com força quase máxima, o Fluminense tomou conta do primeiro tempo e precisou de apenas nove minutos para abrir o placar.
Com força quase máxima, o Fluminense tomou conta do primeiro tempo e precisou de apenas nove minutos para abrir o placar.

Embalado para a descisão do Mundial, o Fluminense passou por cima da defesa do Santos e meteu 3 x 0 no time paulista, deixando o Peixe pertinho da degola no Brasilerião.

 O jogo na noite desta quarta-feira (29), em plena Vila Belmiro, pela 36ª rodada, deixou o Santos estacionado nos 43 pontos e em 15º lugar na tabela.

O Santos tem apenas um ponto a mais que o Vasco, que abre a zona de rebaixamento. O Fluminense emplacou a terceira vitória seguida e chegou aos 56 pontos, em sétimo lugar.

Com força quase máxima, o Fluminense tomou conta do primeiro tempo e precisou de apenas nove minutos para abrir o placar. Após uma boa troca de passes, Martinelli recebeu de Arias e arriscou de fora da área. A bola entrou no cantinho de João Paulo.

O Santos sentiu o gol e não conseguiu levar perigo a Fábio, principalmente por causa dos passes errados de Soteldo. A situação ficou mais complicada aos 35 minutos, quando Diogo Barbosa recebeu de André e cruzou na cabeça de Arias, que mandou no ângulo.

Foi então que surgiram as primeiras vaias na Vila Belmiro. O problema só não foi maior porque João Paulo fez uma grande defesa de uma finalização de Keno.

As mudanças promovidas por Marcelo Fernandes fizeram o Santos partir para cima do Fluminense. Logo no primeiro minuto do segundo tempo, Maxi Silvera recebeu dentro da área e chutou rasteiro. Fábio foi buscar e espalmou para escanteio. Depois, foi a vez de Mendoza parar no goleiro tricolor.

O castigo veio aos 13 minutos. Depois que Ganso acertou o travessão, Cano recebeu uma ajeitada de Martinelli e só tirou de João Paulo. O Santos quase diminuiu duas vezes, uma com Marcos Leonardo, e outra, com Maxi Silvera, que acertou a trave de Fábio.

Na melhor oportunidade do Peixe, Julio Furch recebeu dentro da área, cortou Martinelli e soltou a bomba. Nino tirou em cima da linha. Nos minutos finais, Joaquim e Furch acertaram o travessão.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários