Sexta, 24 de Maio de 2024
°C °C

Assassinato por causa de cachorro desvela a banalidade da vida em Vitória

Idoso foi morto em bairro nobre da capital porque deixou animal solto na calçada

21/04/2024 às 06h25 Atualizada em 21/04/2024 às 08h04
Por: Redação
Compartilhe:
Foto Alexandre Damazio - Peritos estiveram no local do crime, na Mata da Praia
Foto Alexandre Damazio - Peritos estiveram no local do crime, na Mata da Praia

A morte de Manoel de Oliveira Pepino,  alvejado na cabeça por um disparo de arma de fogo na capital, Vitória, mostra a banalidade do uso de armas e a intolerância diante da fragilidade da vida.

O idoso foi morto por deixar o seu cachorro sem coleira numa das ruas do bairro Mata da Praia, em Vitória. Um vizinho discutiu com Pepino e o perseguiu com uma arma em punho. Em determinado momento, o vizinho disparou e acertou a nuca do tutor do cachorro.

O homem nem chegou a ser socorrido, morrendo na hora, no meio da rua. Familiares da vítima chegaram a discutir com o atirador, que não teve a identidade divulgada e fugiu da cena do crime.

Peritos da Polícia Civil estiveram no local e recolheram o corpo para o Departamento Médico Legal (DML). O assassino não foi preso. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários