Sexta, 24 de Maio de 2024
°C °C

Dois presos por venda de anabolizantes em Cachoeiro de Itapemirim e São Paulo

Foram sete mandados de busca

07/05/2024 às 09h25 Atualizada em 07/05/2024 às 09h48
Por: Redação
Compartilhe:
Foto PF - Anabolizantes apreendidos durante cumprimento de mandados
Foto PF - Anabolizantes apreendidos durante cumprimento de mandados

Sete mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos nesta terça-feira,  7, em Cachoeiro de Itapemirim, São Paulo, Guarulho e  Atibaia, os três últimos no estado de São Paulo. 

A Operação “Fermento”,  foi deflagrada pela Polícia Federal com o objetivo de desarticular grupo criminoso envolvido no comércio ilegal de anabolizantes.

28 Policiais Federais cumpriram sete mandados de busca e apreensão nas cidades paulistas e capixaba.

Durante a ação foram localizadas e apreendidas centenas de caixas de anabolizantes, sendo duas pessoas presas em flagrante.

A investigação teve início em 2022, após a apreensão de uma encomenda de anabolizantes ilegais enviada de São Paulo para Cachoeiro de Itapemirim por meio dos Correios.

A partir dessa apreensão e com o avanço das apurações, foi possível descortinar um grupo de pessoas responsável pela comercialização de grandes quantidades de anabolizantes pela internet para todo o Brasil.

Também foi detectado que os distribuidores de anabolizantes preservavam o anonimato, lançando mão de documentos falsos e de contas bancárias em nome de “laranjas” para receberem os pagamentos das vendas dos produtos ilegais.

Os crimes investigados são: comércio ilegal de anabolizantes (art. 273, § 1º-B, I do Código Penal), uso de documento falso (art. 304 do Código Penal) e lavagem de dinheiro (art. 1° da Lei 9.613/1998).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários